quinta-feira, 10 de dezembro de 2009

Pensando sobre o que eu quero...

Tem muitas coisas que eu quero como menina, sonho com muitas coisas, lugares para conhecer, aventuras para viver. Tem muita coisa que é natural de mim, que não tem como tirar fora, porque é minha essência. Sonho muito com o meu futuro, minha casa, meus filhos, um maridão e um cachorro babão, ser essas donas de casa que cuidam de tudo e mais um pouco e são felizes por ser quem são (tipo a mulher de Provérbios 31). Mas tem um desejo mais profundo antes desses, ser uma menina de honra que ama a Deus mais do que tudo isso junto.

Nas ultimas semanas estive pensando muito sobre o que eu realmente quero (e são muitas as coisas que quero!!). Mas, o que eu quero de verdade, sabe, algo pra sempre?!!?!?!?!

Descobri o que quero voltando do almoço na segunda feira (incrível como vc pensa melhor de barriga cheia!). Descobri, ou melhor, resolvi aceitar que nunca vou ter o que eu quero se eu não descobrir o que realmente me faz falta. Como meninas meus pensamentos e sonhos sempre vão ser mais românticos e voltados para esse lado de cuidar da casa, filhos e de alguém (e eu realmente sou exatamente assim). Agente procura a vida toda por um príncipe, por alguém que nos compreenda, que nos ame, que nos complete. E eu achei que tivesse encontrado esse alguém (e eu realmente encontrei), só que me confundi. É, troquei algo perfeitamente perfeito por um super homem. Ele era demais, tudo o que eu queria, e esperei, enfim, era ele. E esqueci daquele perfeitamente perfeito. Pois é, o super homens sempre vem e vão(quem assiste Smallville me compreende, o Clark é super instável, apesar de sempre salvar o mundo, ele sempre acaba precisando de alguém que o salve tbm!!)

Bem, o super homem se foi, e eu fiquei, sozinha, eu achei que sim. Pensei que fosse culpa minha, mas percebi que depois de um papo com o cara perfeitamente perfeito, que ninguém tinha culpa, as coisas acontecem (já dizia Forrest Gump "merdas acontecem"!!), a gente só tem que aprender a seguir em frente.

Procuramos um príncipe, eu achei um, Perfeitamente Perfeito. Ele me ama, ele me compreende, me completa. Essa é a palavra. Completa. É isso que falta, é o Principe Perfeitamente Perfeito, ele, e só ele pode me completar com aquilo que eu sinto mais falta. E é isso que eu quero ser completa. Se tiver que ser a Lois Lane, vou ser. Mas se não, tudo bem, a Chloe Sullivan, sempre vai ser a menina dos sonhos disfarçada de melhor amiga.

Conheço o caminho para um lugar onde que se perde é que se ganha. Um lugar onde eu recebo carinho e consolo sem segundas intenções. O Principe Perfeitamente Perfeito cuida de mim o tempo todo e me ajuda a seguir em frente quando tudo parece não dar certo, ou quando a vida fica girando e girando sem parecer que vai parar.

Se você procura por um príncipe, veja primeiro se é uma princesa.

Como aos olhos do Pai eu sou uma Princesa Linda, sei que ele tem um príncipe pra mim. Ahh, o nome dele?!?!

Principe Perfeitamente Pefeito.

(tbm conhecido como Maravilhoso, Principe da Paz)

 

Ele me ama, Ele me completa!

Um comentário:

Luísa disse...

Ellen, AMEI o seu texto !!!!! Tenho orando sempre por você e sei que o Pai é Zeloso, Amoroso, COMO NINGUÉM consegue ser neste mundo! Realmente SÓ ELE para ser PERFEITO !!!! Estou feliz por ver você perseverante em Deus ! Amo você, Filhinha Amada de Deus e de mim também. Beijos, Vívia.